Take a fresh look at your lifestyle.
criamos-site-scaled
Banner-Site-noticias-nororeste
1040x150229351348446959154-1
4DC79665-9164-4178-B0E7-45B1537A23B8
criamos-site-scaled

Com obra iniciada na Rua Brasil, prefeito anuncia revitalização da Expedicionários

0 143
criamos-site-scaled
Banner-Site-noticias-nororeste
1040x150229351348446959154-1
4DC79665-9164-4178-B0E7-45B1537A23B8
criamos-site-scaled

Duas das principais entradas da cidade vão ganhar obras de revitalização. A Rua Brasil, entrada pelo Trevo de Água Vermelha já teve as obras iniciadas. Nesta semana, em entrevista à Rádio Difusora, o prefeito André Pessuto confirmou que a Avenida Expedicionários também será revitalizada. Uma terceira avenida, a João Gosselein, conhecida como Avenida dos Ferroviários terá o asfaltamento no trecho final. Parte do recurso R$ 1,5 milhão, foi autorizado  pelo vice-governador Rodrigo Garcia durante sua estada em Fernandópolis no sábado, 24.
“São três anúncios de extrema importância para nosso município”, destacou o prefeito citando que as obras da Rua Brasil já foram iniciadas. “A avenida vai ganhar ciclovia Vamos ter uma entrada revitalizada para quem chega pelo Trevo de Água Vermelha e melhorar o ambiente de comércio na via”, explicou.
O trecho inicial da Rua Brasil em duas pistas tinha o canteiro central estreito e nas laterais havia grande espaço que gerava grande problema para os comerciantes. Com a revitalização, o canteiro central será alargado para comportar uma ciclovia e as faixas de rolamento ficarão mais próxima das empresas. “Benefício para os comerciantes e moradores dos bairros adjacentes”, reforça Pessuto.
O projeto de revitalização da Avenida Expedicionários que ainda não tem prazo para começar deve ter investimento de R$ 1 milhão. No caso da avenida principal da cidade, a ação será diferente. O canteiro central da avenida ficará mais estreito para alargar mais as faixas de rolamento.
“O canteiro central será diminuído, vamos preservar o meio ambiente, mas a avenida vai ficar mais larga. Sempre tivemos reclamações, quando você para o carro fica difícil a circulação. A faixa de rolamento será ampliada para melhorar a mobilidade. Vai ficar uma avenida de entrada da cidade muito mais apresentável”, disse o prefeito.
A terceira avenida que tem verba prometida para sair do chão batido é a dos Ferroviários. O trecho inicial entre a rotatória da Avenida Amadeu Bizelli até a entrada para Estrada do Coqueiro e bairro Santo Afonso foi asfaltada em 2018. Agora o prefeito quer concluir o asfaltamento de onde parou até a Avenida Afonso Cáfaro, defronte a antiga estação da Fepasa. “É uma artéria importante que vai ligar a zona leste a zona sul da cidade e precisamos concluir. Uma obra importante para a cidade haja vista o surgimento de novos bairros do outro lado da ferrovia. É cara, vai custar mais de R$ 1,5 milhão, mas a prefeitura terá que complementar com mais 100 ou 200 mil.
Ainda com foco na urbanização, Pessuto lembrou que foi anunciado recurso de R$ 1,7 milhão para a reurbanização do entorno da represa municipal que está em fase de desassoreamento. “Vai se transformar em uma área de lazer maravilhosa para a população”.
Apesar de toda a burocracia que envolve o anuncio de verbas, a liberação do dinheiro e a realização da licitação, o prefeito calcula que terá tempo suficiente para concluir todas estas obras que segundo ele, “mudarão a cara da cidade” no decorrer do mandato.
“São obras que tem um processo burocrático que é lento, mas tenho certeza e convicção até o final do nosso mandato essas obras estarão concluídas”.

cidadão.net

Comments
Loading...