Anuncie aqui

Morre, de covid, Tato, cadeirante e vendedor de artesanatos de Fernandópolis

0 179

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Morreu na manhã desta terça-feira, dia 6, vítima da covid, Antônio José Siqueira, tradicionalmente conhecido como “Tato” vendedor de guardanapos que ficava em frente a uma Casa Lotérica no centro de Fernandópolis.

Tato era figura ilustre e conhecidíssima na cidade e, mesmo com dificuldades físicas, não desistiu de batalhar pela sobrevivência depois de ter mãos e pés amputados devido a uma picada de cobra, chegando a passar por mais de 30 cirurgias.

Na década de 90, recebeu uma cadeira de rodas motorizada em uma ação promovida por amigos, o que facilitou o exercício do trabalho na venda de seus artesanatos, alguns produzidos por ele mesmo.

Na semana passada foi diagnosticado com o novo coronavírus, apresentou sintomas e com a ajuda de amigos e vizinhos foi encaminhado a UPA de Fernandópolis, sendo intubado, mas acabou não resistindo.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Comments
Loading...